[Resenha] Easy - Contornos do Coração #01 - Tammara Webber

| Autora: Tammara Webber | Editora: Verus | Páginas: 308 | ISBN: 9788576862468 Skoob Comprar 
Quando Jacqueline segue o namorado de longa data para a faculdade que ele escolheu, a última coisa que ela espera é levar um fora no segundo ano. Depois de duas semanas em estado de choque, ela acorda para sua nova realidade: ela está solteira, frequentando uma universidade que nunca quis, ignorada por seu antigo círculo de amigos e, pela primeira vez na vida, quase repetindo em uma matéria. Ao sair de uma festa sozinha, Jacqueline é atacada por um colega de seu ex. Salva por um cara lindo e misterioso que parece estar no lugar certo na hora certa, ela só quer esquecer aquela noite — mas Lucas, o cara que a ajudou, agora parece estar em todos os lugares. A atração entre eles é intensa. No entanto, os segredos que Lucas esconde ameaçam separá-los. Mas eles vão ter de descobrir que somente juntos podem lutar contra a dor e a culpa, enfrentar a verdade — e encontrar o poder inesperado do amor.

Eu não sabia ao certo que esperar de Easy, eu já tinha lido algumas resenhas desse livro mas estava com dúvidas se iria gostar ou não. Sabe aquele livro que vem em um ótimo momento? Então, eu não poderia ter lido essa obra da Tammara Webber em melhor hora, fiquei encantada, os personagens são cativantes e a escrita é viciante.

A partir do momento que eu comecei a ler esse livro, me vi sugada para a estória da Jacqueline, uma jovem que deixou alguns sonhos e expectativas de lado para acompanhar o namorado à universidade que ele queria e que sofrera uma desilusão amorosa após o seu namorado terminar com ela por quer ter outras experiências - sexualmente falando, e num momento de tentar superar o ocorrido uma amiga a convence a ir a uma festa da irmandade e é lá que Jacqeline sofre uma tentativa de estupro, por alguém que ela conhece. Tentativa pois por pura sorte um jovem desconhecido aparece e consegue evitar que o pior aconteça.

Jacqueline não consegue tirar da cabeça esse estranho que a salvou e de repente ele parece estar em todos os lugares. E depois de um tempinho, o seu salvador desconhecido se revela como sendo um dos seus colegas de aula, de uma matéria que Jacqueline não está indo muito bem, trata-se de Lucas, que até antes do fatídico encontro ela nem mesmo sabia que existia, mas depois que o nota, Jacqueline faz questão de não esquecê-lo e ambos ficam bastante cientes um do outro.
'‘Ele se sentava na última fileira da aula de economia, desenhando ou olhando para mim em vez de prestar atenção nas aulas. Na noite de sábado, o toque firme de suas mãos enquanto dançávamos fez a minha cabeça girar antes que ele desaparecesse sem nenhuma explicação. Ele me despiu com os olhos, disse Erin, no meio do Starbucks – onde ele trabalhava. Era ousado e seguro de sai. Tatuado e gostoso demais para poder ser descrito em palavras. Parecia e agia como o bad boy que Erin e Maggie acreditavam que ele fosse.’’
Lucas é aparentemente um bad boy (mas tá mais para um nerd), a atração entre ele e a nossa protagonista é palpável tanto para o leitor quanto para os outros personagens do livro e é impossível não torcer para que o relacionamento deles se desenrole e que eles deem certo e isso vai acontecendo num ritmo bem calmo, achei legal a Tammara não ter feito tudo muito rápido, ela vai desenvolvendo muito bem o romance dos personagens e conforme isso acontece nós os conhecemos melhor e entendemos determinadas atitudes de ambos.

Jacqueline é uma personagem determinada que luta pelo que quer, mesmo tendo os seus momentos vulneráveis, ela não fica enrolando e nem fica de mimimi, o que me deixou muito feliz, pois eu adoro personagens que não são fracas; só não gostei do fato de que em certas situações, mesmo que sem querer, a personagem se colocava em perigo e para evitar escândalos deixou de tomar certas medidas que teriam evitado muita coisa ruim ao decorrer da estória.

O livro faz críticas sérias e bem trabalhadas com relação ao abuso de mulheres, promove a ação de que as mulheres podem e devem se defender e devem procurar obter conhecimentos para isso e que o silêncio nunca deve ser uma opção.
''- Ele estuprou você também?
Neguei com a cabeça enquanto calafrios desciam pelo meu corpo em uma onda desde o pescoço até os tornozelos.
- Alguém o impediu. Tive sorte.

Eu não imaginava quanta sorte tive até agora. Pensei que soubesse, mas, na realidade, não sabia.''
Easy é um livro de leitura fácil, fluida e marcante, foi uma leitura encantadora, que me prendeu desde o início e adorei acompanhar o desenrolar da relação da Jacque e do Lucas; Easy em muitos momentos me deixou sem palavras e de queixo caído com algumas surpresas. Gostei bastante de ambos os personagens, que tem muita personalidade, são fortes, têm traumas e que tentam superá-los na medida do possível, e mal posso esperar para ler logo Breakable que será contado pelo ponto de vista do Lucas, que é um personagem sexy, sutil e que guarda muitos segredos.

[Lançamentos] Depois de Você - Jojo Moyes! Confira o vídeo de lançamento.


Novidade!!!

Vem aí "Depois de Você" a continuação de "Como eu era antes de você " de Jojo Moyes , com previsão de lançamento em 29 de setembro!

O que será que acontece com a Lou depois do final de "Como eu era antes de você?"



Como eu era antes de você em promoção no +Submarino  http://oferta.vc/6c9A 











Não é para os fracos de coração. É ficção criminal da mais alta classe





Para o comandante Camille Verhoeven, a vida não poderia estar melhor: ele tem um casamento feliz e está esperando o primeiro filho com a amável Irène. Mas sua rotina agradável é interrompida por um assassinato cuja brutalidade choca toda a Brigada Criminal. O caso se torna ainda mais sombrio quando são encontradas similaridades entre o crime e o assassinato hediondo relatado em Dália Negra, um romance policial de James Ellroy, publicado em 1987. 

A imprensa, então, apelida o assassino de “O Romancista” e a investigação do caso se desenrola com os dois sujeitos – o comandante Verhoeven e O Romancista – sob os holofotes do público, e um está determinado a ser mais inteligente do que o outro. No entanto, só é possível haver um ganhador: aquele que tem menos a perder.



IRENE

Peculiar, brutal, não é para os fracos de coração. É ficção criminal da mais alta classe... Grandiosamente construído e executado, elevando Lemaitre à classe de James Ellroy. Se você pegá-lo, não será capaz de largar.
— Geoffery Wansell, Daily Mail

Irene é uma ficção policial de alto nível, digna da atenção internacional que tem recebido... Quando aceitei as representações da violência contidas no romance, achei poucas falhas em Irene...
— Patrick Anderson, The Washington Pos








[Caixinha de Correio] #SóCoisasBoas

Bora conferir os livros (que infelizmente não foram muitos) que eu recebi em Janeiro:

 Sinopse - Rocco's Wings - Rebecca Merry Murdck
Rocco is the only villager with wings. His wings are blue, and at night also bioluminescent (glowing). Rocco is captured by urvogels (winged human-like creatures) living on the cliffs of Upper Terrakesh. He witnesses the horrid punishment of urvogels getting their wings cut off - punishment for so-called vanity crimes.  Private reading, music making and other solitary enjoyments are strictly forbidden as contrary to flock principles. Rocco’s new friends, Basalt, Vesta, Magna and Iggy are about to stand trial. If convicted, they will lose their wings. Rocco must decide if he should help them, or escape on his own. A fast moving tale of survival and adventure, this middle-grade novel follows Rocco’s struggle with grief and loss. Rocco’s Wings is the debut novel of Canadian lawyer, Rebecca Murdock.

 Sinopse - A Irmã de Becky Bloom - Sophie Kinsella
A Irmã de Becky Bloom - Becky Bloom achou que casar com Luke Brandon seria uma caixinha da Tiffany cheia de felicidade. Mas, honestamente, a coisa não é um sonho como ela esperava. O problema começou na lua-de-mel, quando contou uma mentirinha minúscula a Luke, sobre uma comprinha de nada. Agora ela está com o orçamento contado, não tem emprego e, pior de tudo, sua querida amiga Suze tem uma nova “melhor amiga”. Becky está na maior deprê quando recebe uma notícia incrível: ela tem uma irmã, há muito tempo perdida, sumida, esquecida! Becky nunca esteve tão em-pol-ga-da!!! Finalmente uma irmã de verdade! Elas podem fazer compras juntas... escolher sapatos juntas... fazer as unhas juntas... Até que ela tem o maior choque da vida. Não pode ser verdade! Não é possível que a irmã querida de Becky Bloom possa... odiar compras!!! Socorro!!!

 Sinopse - As Crônicas de Bane - Vários autores
As Crônicas de Bane - Nesta edição ilustrada, são narradas as mais diversas aventuras do feiticeiro imortal Magnus Bane, das aclamada séries de Cassandra Clare. Entre escapadas no Peru e resgates reais na Revolução Francesa, acompanhe fragmentos da vida do enigmático mago ocorridos em diversos países e períodos históricos, com aparições de figuras conhecidas como Clary, Tessa, Will e Alec, personagens de Os Instrumentos Mortais e As Peças Infernais.

 Sinopse - O Segredo do Meu Marido - Liane Moriaty
O Segredo do Meu Marido - Ela virou o envelope. Estava lacrado com um pedaço de fita adesiva amarelada. Quando a carta tinha sido escrita? Parecia velha, como se tivesse sido anos antes, mas não havia como saber ao certo. Imagine que seu marido tenha lhe escrito uma carta que deve ser aberta apenas quando ele morrer. Imagine também que essa carta revela seu pior e mais profundo segredo - algo com o potencial de destruir não apenas a vida que vocês construíram juntos, mas também a de outras pessoas. Imagine, então, que você encontra essa carta enquanto seu marido ainda está bem vivo... Cecilia Fitzpatrick tem tudo. É bem-sucedida no trabalho, um pilar da pequena comunidade em que vive, uma esposa e mãe dedicada. Sua vida é tão organizada e imaculada quanto sua casa. Mas uma carta vai mudar tudo, e não apenas para ela: Rachel e Tess mal conhecem Cecilia - ou uma à outra -, mas também estão prestes a sentir as repercussões do segredo do marido dela. Um romance emocionante, O Segredo do Meu Marido é um livro que nos convida a refletir até onde conhecemos nossos companheiros - e, em última instância, a nós mesmos.

 Sinopse - O Lírio Dourado - Richelle Mead
O Lírio Dourado - Em sua última missão, a alquimista Sydney Sage foi enviada a um colégio interno na Califórnia para proteger a princesa Moroi Jill Dragomir, e assim evitar uma guerra civil entre os vampiros que certamente afetaria a humanidade. Porém, a convivência com Jill, Eddie e principalmente Adrian leva Sydney a perceber que talvez os Moroi não sejam criaturas tão terríveis assim - e ela passa a questionar os dogmas que lhe foram ensinados desde a infância. Tudo se torna ainda mais complicado quando Sydney descobre que talvez tenha a chave para evitar a transformação em Strigoi, vampiros malignos e imortais, mas esse poder mágico a assusta. Igualmente difícil é seu novo romance com Brayden, um cara bonito e inteligente que parece combinar com Sydney em todos os sentidos. Porém, por mais perfeito que ele seja, Sydney se sente atraída por outra pessoa - alguém proibido para ela. E quando um segredo chocante ameaça deixar o mundo dos vampiros em pedaços, a lealdade de Sydney será colocada mais uma vez à prova. Ela confiará nos alquimistas ou em seu coração?

[Resenha] Dançando Sobre Cacos de Vidro - Ka Hancock



| Autora: Ka Hancock | Selo: Arqueiro | Páginas: 336 | ISBN: 9788580412079  Skoob Comprar |


Lucy Houston e Mickey Chandler não deveriam se apaixonar. Os dois sofrem de doenças genéticas: Lucy tem um histórico familiar de câncer de mama muito agressivo e Mickey, um grave transtorno bipolar. No entanto, quando seus caminhos se cruzam, é impossível negar a atração entre eles. Contrariando toda a lógica que indicava que sua história não teria futuro, eles se casam e firmam – por escrito – um compromisso para fazer o relacionamento dar certo. Mickey promete tomar os remédios. Lucy promete não culpá-lo pelas coisas que ele não pode controlar. Mickey será sempre honesto. Lucy será paciente. Como em qualquer relação, eles têm dias bons e dias ruins – alguns terríveis. Depois que Lucy quase perde uma batalha contra o câncer, eles criam mais uma regra: nunca terão filhos, para não passar adiante sua herança genética. Porém, em seu 11° aniversário de casamento, durante uma consulta de rotina, Lucy é surpreendida com uma notícia extraordinária, quase um milagre, que vai mudar tudo o que ela e Mickey haviam planejado. De uma hora para outra todas as regras são jogadas pela janela e eles terão que redescobrir o verdadeiro significado do amor. Dançando sobre cacos de vidro é a história de um amor inspirador que supera todos os obstáculos para se tornar possível.

Dançando Sobre Cacos de Vidro conta a estória do apaixonado casal Lucy e Mickey Chandler, eles se amam e não conseguem imaginar o quão vazia seriam suas vidas se eles não tivessem um ao outro. Só que não é fácil. Eles são felizes juntos, mas diariamente têm que passar por muitas provações.

Lucy é uma personagem querida, que ama muito a sua família e é o porto seguro do marido. Ela perdeu a mãe muito cedo, vítima de câncer, e o fantasma que sempre paira sobre a cabeça dela e das irmãs é: qual das três será a próxima na lista da Sra. Morte por causa de um muito provável câncer de mama? E isso é uma certeza, afinal Lucy já teve câncer e reagiu bem ao tratamento, mas será que ela reagiria tão bem em caso de reincidência?

Mickey é um cara carismático, um homem de negócios bem sucedido, que ama a esposa mais do que tudo no mundo e a seguiria a qualquer lugar. Quando conheceu Lucy tentou ao máximo evitar aquela garota tão cheia de vida e confiança, afinal, quando se tem um grave transtorno bipolar você tem medo de permitir que pessoas se aproximem.

O inevitável acontece, esses dois personagens perdidos e sem perspectivas amorosas se conhecem e mesmo tentando ignorar o que sentem e indo contra preconceitos eles acabam se dando uma chance, eles se arriscam, arriscam serem felizes apesar de tudo, apesar do futuro incerto e ao mesmo tempo cheio de talvez.

Depois de tudo que foi dito, ficou claro que a genética desses dois é um fardo para eles, sendo assim, eles não querem que ninguém tenha que passar pelas provações diárias que eles passam e mesmo se amando muito, eles não querem que uma criança, um provável filho, venha a sofrer e por isso o casal firma um acordo de não ter filhos e ponto final, imagina o quão difícil não seria para essa criança? Só que o inesperado e talvez até indesejado acontece, em uma de suas consultas de rotina Lucy descobre que está grávida.

É então que o casal tem que pôr em prova todas as suas crenças e todo o seu amor. Pra você leitor, pode parecer algo simples apenas seguir com a gestação, mas não é bem assim e cada personagem coloca na balança os prós e contra com relação à decisão de manter ou não a gravidez e é quando algo dramático – para dizer o mínimo- acontece e vem para emocionar e trazer novas e diferentes perspectivas à leitura.

Narrado sob o ponto de vista dos dois protagonistas alternando entre o presente e o passado, quando os personagens se conheceram, Dançando Sobre Cacos de Vidro foi um livro que eu não sabia o que esperar, não é o meu tipo de leitura, não gosto tanto de dramas, mas me dispus a sair da minha zona de conforto e confesso que foi impossível não me emocionar com esse livro (com direito a lágrimas e tudo). Ka Hancock consegue mexer conosco, ela expõem de forma clara e objetiva o que a bipolaridade e o câncer causam à uma família desestruturando-a; a autora nos faz analisar tudo de forma fria e emocional, conseguimos ver por esses dois lados. É uma história de amor linda e gostaria que tivesse filme dele.

Mesmo não sendo fã do Nicholas Sparks acredito que quem gosta dos livros do autor também irá gostar desse livro. Dançando Sobre Cacos de Vidro é uma história crível, sobre superação, confiança, amor, carinho, respeito, relacionamentos familiares, esperança, e que com certeza irá emocionar quem o ler.


[Projeto] Em Leitura Intensa


Olá pessoal,

Em tempos de Cinquenta tons de Cinza nos cinemas e bilheterias milionárias, reunimos os quatro melhores blogs literários (Nossa, quanta modéstia!) e criamos um projeto que vai seduzir todos vocês. Tenho certeza disso.

Somos quatro blogs unidos para falar sobre o melhor da literatura erótica existente na atualidade.


“Primeiro eu queria agradecer por participarem desse projeto comigo. Acho importante que os blogs possam trabalhar juntos e dar aos leitores pontos de vista diferentes.”
Débora do La Oliphant (idealizadora do projeto)

Então, leremos um livro do tema a cada mês...

Mês 1: Toda Sua, por Sylvia Day
Mês 2: Peça-me o que Quiser, por Megan Maxwell
Mês 3: Juliette Society, por Sasha Grey
Mês 4: Butterfly, por Kathryn Harvey
Mês 5: A Bibliotecária, por  Logan Belle 
Mês 6: Falsa Submissão, por Laura Reese
Mês 7: Uma Sedução por Semana, por Betty Herbert
Mês 8: O Amante de Lady Chatterley, por D. H. Lawrence

...e  postaremos nos blogs citados resenhas mostrando pontos de vista distintos sobre o mesmo livro. As resenhas serão postadas sempre na última semana do mês e constarão os links para as resenhas dos blogs participantes.

O livro que abrirá nossa temporada erótica será o Toda Sua da Sylvia Day, e em breve teremos os links para as resenhas.


Toda Sua - Ele era inteligente, bem-sucedido, rico e muito lindo.
Fiquei obcecada por ele como nunca tinha ficado por ninguém, por nada. Ansiava por seu toque como uma droga, mesmo sabendo que aquilo me acabaria me destruindo. Eu tinha meus problemas, e ele fez com que viessem à tona muito facilmente. Gideon sabia.
Ele também tinha seus problemas.
E nós acabaríamos sendo o espelho que refletia os traumas – e os desejos – mais secretos do outro.
Seu amor me transformou, e eu rezava para que nosso passado não nos separasse... Skoob


Continuem conosco e acompanhem essa nossa jornada. Ah, se quiserem podem sugerir novas leituras, ok? Basta comentar abaixo e responderei com o maior prazer.



[Resenha] Não Olhe Para Trás - Jennifer L. Armentrout




"Eu estava presa àquela vida da qual não me lembrava, presa no corpo daquela garota, a tal Samantha Jo Franco, e, quanto mais eu descobria a respeito dela, mais eu começava a detestá-la."


|Título: Não Olhe Para Trás |Título Original: Don't Look Back |Páginas: 440 | Autor(a): Jennifer L.Armentrout |Editora: Farol Literário |


Não Olhe Para Trás - Samantha é uma jovem de 17 anos rica e popular que, depois de passar quatro dias desaparecida, retorna ferida e desmemoriada. A nova Samantha não se reconhece no retrato de menina má e mimada que todos à sua volta começam a pintar. E logo descobrirá que foi a última a ver Cassie, a garota com quem mantinha uma relação confusa de amizade e rivalidade e que desapareceu no mesmo dia que ela. O que aconteceu na noite fatídica em que as duas sumiram? E por que Samantha foi a única a reaparecer? Não olhe para trás é um daqueles suspenses que só paramos de ler para tentar nos antecipar à autora e descobrir qual é o mistério.







Uma palavra para este livro: Chocante!

Adoro um bom suspense galera, um romance envolvendo um crime? Minha receita do sucesso.

Samantha (ou Sam) é uma jovem muito bonita, estilo patricinha, tem tudo o que deseja, milhares de roupas sapatos, pais preocupados, um irmão legal, e muitas seguidoras por onde vai. Na escola ela é a rainha, sua família é uma das mais ricas da cidade onde os moradores são como um ‘’clubinho fechado’’ de magnatas.
Qual o problema de Sam então? Ela não se lembra de nada disso.

“Não havia como entender mal os olhares que me lançavam na sala de aula ou no corredor. Olhares desconfiados e acusadores.''Era provável que minha reputação fosse tão assustadora que as pessoas acreditassem que eu era capaz de fazer algo horrível com a Cassie. Eu não queria pensar nisso, mas uma parte bem pequenininha de mim tinha medo.”

O livro começa com Samantha acordando em uma estrada toda machuca assustada e sem memória. Encontrada por policiais e reconhecida por seus pais, Sam vai parar em uma mansão se descobrindo a própria Barbie dos sonhos, que por sinal tem o Ken Del, um namorado lindo e rico. O problema é que ela não se lembra de nada!
Sua família lhe é estranha, seus amigos insuportáveis, seu namorado um garotinho superficial e vazio. Apenas seu irmão e Carson, filho de um funcionário do seu pai, gato fofo carinho tudo de bom lhe parecem confiáveis. Imaginem a dificuldade de se acordar e descobrir que é uma das pessoas mais odiadas da cidade, uma garota malvada que humilha os menos afortunados, que pisa em tudo e em todos. Uma pessoa detestável e egocêntrica? Por sorte sua nova ‘’Sam’’ abomina a antiga.


 " -Sei que é duro engolir isto no momento, mas se nunca recuperar a memoria, você vai poder fazer coisas que a maioria das pessoas nunca terá a chance de tentar(...) Você pode recomeçar." 

Agora devem se perguntar de onde vem o mistério?

Samantha sumiu junto de sua melhor amiga Cassie, que diferente de Sam, ainda não apareceu. Um crime, um sumiço, segredos do passado, loucura... Tudo isso faz parte dessa história eletrizante.

Adorei a personagem de Sam, uma garota forte, de opinião própria, obstinada a descobrir a verdade e tentar ajudar uma amiga de quem ela nem se lembra.
A narrativa segue sendo de Sam, o que torna tudo melhor já que em certos momentos parece que ela é louca, nós leitores ficamos confusos sem saber o que pensar.
Aos poucos a história te prende, faz virar as páginas com fervor, o perfeito fluxo de informações contribuiu para que você acompanhe como a um filme.
Dos thrillers que já li esse sem dúvida é um dos melhores, perfeito para se fugir da realidade.

Gostei muito da construção de personagens secundários como os pais de Sam, que no final se mostram fundamentais no enredo, adorei seu irmão sempre divertido e amoroso a pesar dela não ter sido a melhor irmã do mundo.
Uma das questões importantes trabalhadas na trama são as relações dentro de uma família, os segredos, os medos. Até que ponto você conhece as pessoas que vivem com você?

No final do livro eu já estava suando louca para saber quem havia feito aquilo com a Cassie, quais seus motivos... Devo dizer que ai a autora foi brilhante, arrisco-me a dizer que ela foi no estilo ‘’Sidney Sheldon’’, fazendo do criminoso a pessoa menos improvável da história.
Terminei o livro logicamente xingando a autora e me perguntando ‘’por quê?’’ kkkk o que logo significa que no geral, o livro foi muito bom, mas muito bom mesmo.

Recomendo para todos que curtem um drama com uma boa dose de suspense e romance!


[Resenha] Tentação sem limites – Abbi Glines


Autora: Abbi Glines | Editora: Arqueiro | Páginas: 208 | ISBN: 9788580412451 | Skoob | Comprar |

A vida de Blaire Wynn não foi nada fácil. Sua irmã gêmea morreu muito cedo, seu ex-namorado e melhor amigo a traiu e ela precisou cuidar da mãe doente até o último dia de sua vida. Depois de tanto sofrimento, o que ainda seria capaz de machucá-la?
O terrível segredo de Rush Finlay. Depois de se apaixonar perdidamente por ele, Blaire descobriu algo cruel que destruiu para sempre o mundo que conhecia. Agora ela está mais sozinha do que nunca e precisa recomeçar a vida longe de todos que a feriram. O único problema é que não consegue deixar de amá-lo. Rush Finlay também não sabe o que fazer. Apesar das tentativas dos amigos e da família para animá-lo, o rapaz segue desolado. Ele já não quer saber da vida que levava, regada à festas, bebidas e mulheres. É atormentado pelas lembranças de um sentimento que jamais imaginara que fosse conhecer e que não pôde ser vivido plenamente. Nem Rush nem Blaire imaginavam que seus universos pudessem se transformar de forma tão radical. Porém, a maior reviravolta das suas vidas ainda está por vir. E ela será tão intensa que obrigará Blaire a engolir o orgulho, voltar a Rosemary, na Flórida, e enfrentar seus inimigos. Rush por sua vez, terá que lutar para consertar seus erros e se provar digno da confiança e do amor dela. Segundo volume da trilogia Sem Limites, que já vendeu mais de 5 milhões de exemplares no mundo, Tentação sem limites é tão viciante e tentador quanto uma paixão proibida. Skoob
Chegou o momento de Blaire encarar seu futuro, largar os sonhos e assumir responsabilidades, mas ela não imaginava que iria ser tão difícil estar ao lado de quem se ama. A maior culpada de seus problemas era a Nan, meia-irmã do Rush. Tomei uma raiva tão grande dela que pensei em largar o livro algumas vezes, insuportável. Se não fosse pelo amor do Rush e todo o cuidado que ele tem com a irmã eu teria desistido, certamente.
- Nan, me escute. Eu amo você. Você é a minha irmãzinha. Ninguém pode mudar isso. Mas eu estou apaixonado pela Blaire. Isso pode ser um golpe enorme nos seus planos de conquistar e destruir, mas, querida, está na hora de resolver os problemas com o seu pai. Ele voltou há três anos. Preciso que você supere isso.
A história é como um conto de fadas atual. Um príncipe encantado (Rush Finlay), uma gata borralheira (Blaire Wynn), uma bruxa (Nanette) e um amor quase impossível.  A diferença é que agora saberemos o que o casal apaixonado faz em quatro paredes, ou sem as paredes também, na verdade em qualquer lugar. Um romance erótico, apaixonante e que vai fazer você querer terminar de ler toda a coleção.
- Você é o meu mundo. Quero que todo mundo saiba disso. Eu não sei namorar, então nunca pensei em levar você para sair como minha namorada. Mas posso lhe prometer agora mesmo: vou levá-la a tantos lugares que não vai haver uma única pessoa nesta cidade que não saiba que idolatro o chão que você pisa. – Jurei antes de estender o braço e pegar a mão dela. – Desculpe por eu ter sido um idiota.
Muito tempo após ler Paixão sem limites, primeiro volume dessa série, resolvi continuar a leitura. Não sou muito fã de trilogias e sequencias, pois curto novidades a todo instantes, mas Paixão sem Limites me agradou muito, então por que não continuar a ler?

Fiquei completamente perdida no início, tanto tempo sem continuar a história acabei esquecendo fatos importantes como a relação de Blaire Wynn com a família de Rush Finlay. Mas não demorou muito para eu me situar e me apaixonar novamente pelos personagens. Uma leitura rápida e agradável que te fará ficar tão apaixonada pelo Rush quanto a própria “Doce Blair”.

A autora
Abbi Glines nasceu em Birmingham, Alabama.  Morou na pequena cidade de Sumiton até os 18 anos, quando seguiu o namorado do colégio até a costa. Atualmente os dois moram com seus três filhos em Fairhope, Alabama. Autora de diversos livros da lista de mais vendidos do The New York Times, Abbi é viciada no Twitter (@abbiglines) e escreve regularmente no seu blog. - See more here

[Lançamento] Farol Literário com um super suspense em Março!


“Da ordem ao caos” é daquele tipo de livro que te leva por páginas e mais páginas numa sentada só.

Laban nos revela seu enredo de drama e suspense a partir das narrativas gravadas em CDs pelo ex-aluno albino da escola Irving, Tim. O garoto se envolveu em um episódio obscuro para o qual havia muitas perguntas e poucas respostas.

Duncan, o herdeiro da pilha de CDs, com as narrativas de Tim é levado a uma jornada em seus próprios conflitos, fazendo diversas relações com o tradicional trabalho de conclusão do ensino médio do colégio, o ensaio sobre a tragédia.

Conecte seu fone de ouvido e aperte o play!






[Resenha] Ele está de volta - Timur Vermes


Autor: Timur Vermes | Editora: Intrínseca | Páginas: 304 | ISBN: 9788580575293 | Skoob | Comprar |

Berlim, 2011. Adolf Hitler acorda num terreno baldio. Vivo.

As coisas mudaram: não há mais Eva Braun, nem partido nazista, nem guerra. Hitler mal pode identificar sua amada pátria, infestada de imigrantes e governada por uma mulher. As pessoas, claro, o reconhecem — como um imitador talentoso que se recusa a sair do personagem. Até que o impensável acontece: o discurso de Hitler torna-se um viral, um campeão de audiência no YouTube, ele ganha o próprio programa de televisão e todos querem ouvi-lo. Tudo isso enquanto tenta convencer as pessoas de que sim, ele é realmente quem diz ser, e, sim, ele quer mesmo dizer o que está dizendo. Ele está de volta é uma sátira mordaz sobre a sociedade
contemporânea governada pela mídia. Uma história bizarramente inteligente, bizarramente engraçada e bizarramente plausível contada pela perspectiva de um personagem repulsivo, carismático e até mesmo ridículo, mas indiscutivelmente marcante. Skoob

Dias atrás recebi uma recomendação de leitura bacana em um dos grupos literários que participo e administro: Ele está de Volta - Timur Vermes. Aceitei de bom grado, afinal me interesso muito pelo tema. Quando comecei a leitura achei que o livro fosse uma crítica ao próprio Hitler, mas tive uma surpresa bem agradável, a crítica, na verdade, é contra a mídia e seu poder de convencer e vender qualquer coisa. E a intenção ficou bem nítida, afinal já sabemos quem era Hitler e o que ele fez por volta dos anos 40 e ninguém em sã consciência o colocaria de volta ao poder hoje, ou colocaria? Com a manipulação ferrenha da mídia tudo isso fica esquecido no passado.

A história começa com Hitler acordando em um terreno baldio, de uniforme nazista, em meio a sacos de lixo em Berlim. Completamente desnorteado e percebendo as mudanças gritantes da cidade, vai atrás de uma explicação. Então se depara com uma banca de revistas e descobre que o ano que se encontra é 2011.

Sua mentalidade continua a mesma de sessenta anos atrás e logo começa a traçar planos de interferência na realidade política do lugar. Óbvio que ninguém o leva a sério. Acreditam ser ele um comediante muito bem caracterizado e de um talento assombroso para imitar o próprio Adolf Hitler, ou seja, ele mesmo.
Hitler faz amigos e também consegue um emprego, que para seus fins é o ideal. Passa a ser assim, humorista crítico de um programa de auditório muito conhecido. Não é lógico? Hitler, na TV, falando para milhões e milhões de jovens sobre suas concepções deturpadas? Só pode ser piada mesmo. E é assim mesmo que o encaram, com muito bom humor, mesmo escutando coisas como:
 (...) não há surpresa de um turco ser um idiota (...)
Ou
(...) parasitas judeus (...).
E dessa vez ele estava mesmo aficionado pelos turcos, já que não havia tantos judeus como em 1930.
Esses turcos não estavam apenas no setor de limpeza, mas em todos os lugares, estranhamente onipresentes.
Fiquei muito intrigada com essa leitura. Muito polêmica e com um final um tanto quanto assustador, pois deixou uma reflexão perigosa no ar. A mídia é um instrumento muito cruel que bagunça a mente de pessoas que não estudam ou procuram saber da história, mesmo que só por curiosidade. Ovacionar, hoje em dia, um líder que procurou exterminar uma raça por puro capricho? Perigoso, viu?
Contudo, nesse meio-tempo, surgiu um movimento o qual quase tudo ultimamente pode ser considerado cultura ou ser elevado a tal categoria.
Hitler, personagem desse livro, soube utilizar as falhas de caráter e cultura de um povo em benefício próprio. Também fez constatações cruéis, porém verdadeiras, sobre nossa juventude.
Assim, posso afirmar que hoje os leitores também só consideram sofisticado o que é praticamente ininteligível para eles, e deduzem o essencial por meio de suposições a partir do tom reconhecidamente positivo.
Uma leitura gostosa e reflexiva, para quem curte história com pitadas de humor. Abram a mente e mergulhem nesse livro, vale a pena. Só cuidado para não se apaixonar pelo bandido ao invés do mocinho. Ah, e vem filme dele por aí... Fiquem ligados.

O Autor  
Nascido em 1967 em Nuremberg, de mãe alemã e pai húngaro, Timur foi antes do sucesso do livro Ele Está de Volta, uma sátira do século XXI de Hitler que vendeu milhões de cópia na Alemanha e apareceu nos melhores jornais do Reino Unido e dos Estados Unidos, um autor fantasma e também é jornalista. Após o colégio estudou história e política na universidade de Erlangen. Desde então trabalhou como jornalista para diversos jornais, entre eles os de Munique e o Kölner Express, além de várias revistas antes de estreiar em 2007 como escritor fantasma por trás de livros de ficção-histórica. Em dezembro de 2013 Vermes anunciou que seu bestseller seria transformado em filme em uma co-produção sw Constatin Film e a Mythos. O filme está programado para 2015 e o roteiro será feito pelo próprio Vermes.



[Resenha] Dias de Sangue e Estrelas - Feita de Fumaça e Osso #2 - Laini Taylor

| Autora: Laini Taylor | Editora: Intrínseca | Páginas: 448 | ISBN: 9788580574067 Skoob Comprar 

Karou, uma estudante de artes plásticas e aprendiz de um monstro, por fim encontrou as respostas que sempre buscou. Agora ela sabe quem é - e o que é. Mas, com isso, também descobriu algo que, se fosse possível, ela faria de tudo para mudar: tempos atrás Karou se apaixonou pelo inimigo, que a traiu, e por sua culpa o mundo inteiro foi punido. Na deslumbrante sequência de Feita de fumaça e osso, ela terá que decidir até onde está disposta a ir para vingar seu povo. Dias de sangue e estrelas mostra Karou e Akiva em lados opostos de uma guerra ancestral. Enquanto os quimeras, com a ajuda da garota de cabelo azul, criam um exército de monstros em uma terra distante e desértica, Akiva trava outro tipo de batalha: uma batalha por redenção... por esperança. Mas restará alguma esperança no mundo destruído pelos dois? 

Depois da forma como o livro anterior terminou, devo dizer que estava mais do que ansiosa para colocar às minhas mãos em Dias de Sangue e Estrelas, e posso dizer que não me decepcionei. A Laini Taylor conseguiu manter o nível de qualidade que nos é apresentado no livro anterior, o que é muito bacana e raro em séries. Normalmente quando gosto muito do primeiro livro, é raro nas minhas leituras um autor que consegue manter o mesmo nível de genialidade nos demais volumes.

Dias de Sangue e Estrelas foi mais denso e, digamos, um pouco mais pesado do que Feita de Fumaça e Osso (resenha aqui) foi, há mais dor, tanto emocional quanto física. Enquanto o primeiro livro deu ênfase ao romance entre a Karou e o Akiva, nesse segundo volume vemos as conseqüências dos atos dos personagens e a busca de ambos por redenção, cada um a sua maneira, enfrentam caminhos tortuosos e repletos de perdas.

Também ficamos cientes do preparo de ambos os exércitos, de um lado os Anjos e do outro os Quimeras e é surpreendente encontrar compaixão em personagens e lugares inesperados, assim como foi inesperado conhecer tanto sobre ambos os lados e os sacrifícios que muitos fazem por um bem maior ou para simplesmente proteger alguém que ama. 
‘‘ Nós sonhamos juntos com um mundo refeito, ficava pensando. Tinha sido o sonho mais lindo, que só podia ter acontecido como acontecera: um sonho que nasceu da misericórdia e se alimentou de amor. E ela não conseguia pensar no futuro, na paz, sem se lembrar da mão de Akiva em seu coração e da sua na dele.’’
 Karou reencontra os seus semelhantes e tem papel de grande responsabilidade no grupo, mas ainda é alvo de rancor e ódio pelo que fez, pela traição cometida. Akiva é vítima de emboscadas e tenta salvar os Quimeras na medida do possível, e a iminente guerra que está cada vez mais próxima é algo que preocupa ambos os grupos, afinal muito está na balança, o futuro do mundo depende do que está por vir e a esperança é a única coisa capaz de unir e mantê-los vivos.

A autora trabalhou muito bem os seus personagens, todos são complexos e bem construídos e os seus sentimentos e pensamentos são realmente bem transmitidos, assim como os seus ideais que são fundamentais para determinar ao leitor de que lado o personagem está; nesse livro são apresentados mais personagens, assim como mais narradores, ou seja, os pontos de vistas que são mostrados não ficam restritos à apenas os dos protagonistas.

Se o final de Feita de Fumaça e Osso me deixou tensa por não ter o volume seguinte, infelizmente (ou felizmente rs) Dias de Sangue e Estrelas terminou me deixando da mesma forma, só que estou um pouco mais apaziguada pois o próximo livro será o desfecho da série e tenho altas expectativas e uma curiosidade gigantesca para saber como será o final desses personagens tão queridos, e de outros que não são tão queridos assim, e tenho certeza que a autora, mais uma vez irá surpreender. 
‘‘ – Você só precisa começar, Lir. Compaixão gera compaixão assim como sangue gera sangue. Não podemos esperar que o mundo seja melhor do que aquilo que o fazemos ser.’’
Eu só devo dizer que senti falta de romance. Eu adoro o Akiva e a Karou e espero conferir o desenrolar da relação dos dois, mas como o livro teve tanta coisa acontecendo, acho que a autora fez uma boa escolha em não dar enfoque ao romance nesse momento, sem falar que mesmo eu tendo sentido falta do romance entre os protagonistas, há momentos realmente fofos envolvendo outros personagens, então acho que isso de certa forma compensa um pouco -mas só um pouco- a falta que eu senti da interação entre o Akiva e a Karou.

A escrita da Laini é maravilhosa, assim como o mundo criado por ela que é único, é uma autora talentosa que eu com certeza pretendo acompanhar o trabalho de pertinho e indico sem nem pensar duas vezes, principalmente para quem é fã de fantasia. Muitos talvez não gostem desse segundo volume tanto quanto do primeiro, já que nesse o enfoque está no poder e na guerra, enquanto o seu antecessor focou no romance. A diagramação está impecável, o livro ficou muito bonito, tanto a capa quanto o trabalho interno da editora foi bem feito, e eu espero que gostem tanto quanto eu gostei.
‘‘Há intimidade na dor. Qualquer um que já confortou alguém que estivesse sofrendo sabe disso: a ternura impotente de quem consola, o abraço, os gemidos e o leve embalar, quando dois se tornam um contra o mesmo inimigo, a dor.’’
 

[Lançamentos] Fevereiro - Editora Gente‏




| Título: O queridinho do chefe |Subtítulo: 50 estratégias para ser oaliado número 1 de seu chefe e subirna carreira | Autor: F. William Smullen | Selo: Gente | ISBN: 978-85-452-0004-8 | Páginas: 224 | Gênero: Sucesso/carreira | Tradução: Sally Tilelli |

Qual a melhor estratégia para ser bem-sucedido no trabalho?
Ganhar o chefe, oras! 
Quantas vezes você se viu empacado esperando pela resposta do seu chefe? 
Ou estagnado porque parece que ele nunca lhe ouve? 
Como mudar isso? 
Encontrar outro emprego? Desistir? 

Ou aprender a transformar até mesmo a chefia mais difícil num grande aliado e facilitador do seu crescimento profissional? Fala-se muito mal de pessoas que conseguem ser “queridinhas” do chefe, mas o que esses profissionais têm pode levá-los muito mais longe: inteligência emocional, senso de cooperação e os ouvidos abertos de quem importa para suas ideias. William Smullen percorreu todos os níveis hierárquicos militares e seu último cargo público foi como chefe de gabinete do então Secretário de Estado dos Estados Unidos, Colin L. Powell. Dentre suas responsabilidades ele tinha de assegurar a imagem positiva e o sucesso de todas as empreitadas de Powell. Uma missão que trouxe grandes frutos para Smullen, alavancando sua carreira e tornando-o um dos maiores palestrantes e referência em comunicação empresarial, reconhecido internacionalmente.
Neste livro, ele revela o segredo que aqueles que alcançam grandes cargos rapidamente se recusam a contar: como desenvolver um relacionamento com a chefia de modo que acelere seu crescimento, e o de seu chefe também! Smullen mostra como você pode ir cada vez mais longe trabalhando em parceria com seu chefe! 

Você ainda tem vergonha de ser o queridinho do chefe?


Sobre o autor: 

F. WILLIAM SMULLEN III é diretor do setor de Estudos sobre Segurança Nacional na Maxwell School of Citizenship and Public Affairs e professor de Relações Públicas na Universidade de Siracusa, na Newhouse School of Public Communications. Antes de se tornar chefe de gabinete do então Secretário de Estado norte-americano, Colin L. Powell, Smullen foi um soldado profissional, cuja carreira conta com uma série de feitos inspiradores, que incluem missões e posições militares, participação em pelotões, unidades básicas, batalhões, brigadas e divisões. Hoje, palestrante de sucesso, Smullen se apresenta diante de plateias imensas nos Estados Unidos e em outras partes do mundo, como o Brasil, discorrendo sobre assuntos de interesses contemporâneos.





| Título: Se joga!| Subtítulo: Diga sim para seus sonhos e assuma o controle da sua vida | Autores: Nancy Levin | Selo: Gente | ISBN: 978-85-452-0019-2 | Páginas: 192 | Gênero: Autoajuda | 

Encontre a coragem que nem sabia que possuía Você não está feliz com os rumos que sua vida tem tomado e está deixando seus sonhos de lado. Sente-se num beco sem saída. E está errado! Existe uma nova rota. Só precisa fazer uma escolha – e esta é a coisa mais difícil pela qual já teve de passar. Falta coragem? Então este livro vai ajudá-lo. Nancy Levin teve de suportar uma grande dor, e sobreviveu! Sua superação aconteceu por meio do método que agora ela compartilha com você. São dez passos para se jogar em direção ao que sempre desejou, e finalmente realizar o que seu coração tanto lhe pede. Essa é uma jornada de aceitação e verdade para que você consiga visualizarse livre. Ao fazer sua escolha, terá clareza sobre seus limites, as pessoas certas ao seu lado e autodomínio para ir aonde quiser. Quando estiver pronto, saltará. E não estará sozinho!
 Este livro o acompanhará para que consiga lidar com as consequências da mudança e tenha uma transição suave. Por fim, o grande trunfo: dizer sim. Para você. Para sua vida. Para seus sonhos. 

Se joga! Esta ordem exige muita coragem e determinação. Eu sei que você tem medo.


Sobre a autora: 

Nancy Levin é a autora de Se joga! e Writing for my life, best-sellers nos Estados Unidos, e trabalha como coach. Desde 2002, ela tem sido diretora de eventos da Hay House, Inc., produzindo eventos experienciais inovadores e conferências centradas em autocapacitação, saúde e espiritualidade. Quando Nancy não está em um avião, vive em Boulder, Colorado, onde recebeu seu Master of Fine Arts (título de mestre em artes visuais) da Universidade de Naropa. Saiba mais em: www.nancylevin.com.






| Título: Melhor que chocolate | Subtítulo: Uma história sobre amor, Paris e teimosia | Autor: Laura Florand | Selo: Única Editora | ISBN: 978-85-67028-55-2 | Páginas: 288 | Gênero: Ficção/Romance  | Coleção: Amor de Chololate – 2 vol |

Se existe um top 3 categoria “melhores coisas do mundo”, ele está neste livro: Amor. Chocolate. Paris.
Que atire a primeira pedra quem não gostaria de ter essas três coisas misturadas em meio a uma aventura inesquecível. Pois é mais fácil do que parece, basta abrir este delicioso (sem exageros) romance de Laura Florand. Cade Corey é uma jovem executiva que cuida do negócio bilionário de chocolate da família, uma empresa popular nos Estados Unidos.
Ela sonha em construir uma linha premium de seus produtos, e, como boa conhecedora do seu negócio, sabe que encontrará o chocolate perfeito em Paris. Na verdade, o chocolate perfeito está, mais especificamente, nas mãos igualmente perfeitas de Sylvain Marquis, o melhor chocolatier da cidade. O problema é que Sylvain se recusa a associar sua arte a uma grande empresa que só pensa em destruir sua técnica para reproduzi-la em grande escala. Isso para ele é um insulto, e não uma proposta! Contudo, embora o francês jure que está em paz para tocar a vida, aquela americana teimosa não lhe sai da cabeça. 
E Cade sente o mesmo: adoraria simplesmente fechar negócio com outro especialista parisiense, entretanto, não consegue esquecer os olhos cortantes de Sylvain e sua personalidade arrogante, porém tão viciante quanto seus doces.
Paris está prestes a ficar pequena para o que existe entre eles. 
Pegue uma boa xícara de café e saboreie tudo aquilo que é melhor que chocolate. Você não vai se arrepender! 

Sobre a autora:

Laura Florand nasceu na Geórgia, mas foi mordida bem cedo pelo bichinho da viagem. Depois de um intercâmbio de um ano no Taiti, um semestre na Espanha e de ser mochileira da Nova Zelândia até a Grécia, ela acabou indo morar em Paris, onde conheceu o próprio francês bonitão e se casou com ele. Hoje ela é palestrante na Universidade de Duke e é muito dedicada à pesquisa sobre o chocolate francês. Visite seu site www.lauraflorand.com.





| Título: Os filhos de Odin | Autor: Padraic Colum | Selo: Única Editora | ISBN: 978-85-67028-56-9  | Páginas: 224 | Gênero: Ficção/Juvenil/Literatura fantástica |

Leitura obrigatória para os fãs dos quadrinhos e filmes da Marvel! 

Antes de o tempo como nós o conhecemos começar, deuses e deusas viveram na cidade de Asgard, que significa Local dos Deuses. Uma era de mágica, quando seres míticos podiam usar seus poderes e definir os caminhos do futuro, e proteger o mundo. Entre as cruzadas de Odin para encontrar a sabedoria necessária para salvar o mundo, os feitos incríveis de Thor e seu martelo e as travessuras de Loki, o agente do bem e do mal, Padraic Colum reconta as sagas nórdicas revelando o tempo em que a magia, os poderes e as maravilhas fantásticas corriam pelo universo.
Em Os filhos de Odin, descubra a origem das histórias de Odin, Thor e Loki, onde Asgard foi construída e o que estava escondido durante o Ragnarök, o Crepúsculo dos Deuses. 
As histórias que encantam a todos nós nos cinemas possuem um enredo ainda mais fascinante do que você imagina! Leia as maiores aventuras dos deuses nórdicos! A origem daqueles que ainda hoje nos surpreendem com sua força e seu poder! 

Sobre o autor: 

Padraic Colum nasceu em 1881. Grande poeta, dramaturgo e líder do Renascimento Irlandês, ficou conhecido por suas obras infantojuvenis, incluindo Os filhos de Odin e The Golden Fleece, obra vencedora do Newbery Honor Book e ainda não publicada no Brasil. Faleceu em 1972.




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...