[QUERO SER LUCE POR UM DIA] Galera Record inova ao dar dicas aos leitores!

Oi pessoal, tudo bem com vocês? Hoje a Galera Record trouxe uma postagem muito bacana sobre o Halloween e achei que deveria repassá-las para vocês. Particularmente, eu nunca participei de uma festa dessas, afinal sempre me achei muito feio do tipo que não precisa de máscaras, ficou muito bom, com dicas maravilhosas para quem curte, aproveitem!
Segue abaixo o post da editora:

QUERO SER LUCE POR UM DIA
Halloween ou Dia das Bruxas, com ele chega sempre aquela festa à fantasia de última hora. Em vez de pegar a velha máscara de mulher-gato (nada contra! Sou uma cat-lady confessa), ou os chifrinhos usados no Carnaval (se é que ainda estão em pé... ou ainda existem... pensando bem que fim levaram?), que tal se inspirar em algumas heroínas da Galera?

As Darks
Luce – Ah, a atormentada Luce... sempre ocupada entre Daniel e Cam, Luce não tem tempo para se arrumar e usa um figurino básico: calça preta, moletom preto, botas pretas... Atenção: Você pode ter que tosar o cabelo caso queira encarnar a Luce do primeiro livro da série, Fallen. Só não esqueça de levar o isqueiro, acessório preferido da moça!

Grace, de Vampiratas – Bandana vermelha na cabeça, camisa listrada, calças e botas pretas (dá pra aproveitar as da Luce e ir em duas festas!), pérolas, um tapa-olho, um papagaio de pelúcia no ombro e dentadura de vampiro. Moleza!

E completando as darks, é claro que você não precisa ser loira para encarnar alguém de Louras Zumbis, mas vamos caprichar na maquiagem e parar de pentear o cabelo uma semana antes para ficar bem sujinho e deixar Hannah orgulhosa, combinado?

As Patys

Fantasia para ir com a melhor (a-han) amiga: Blair Waldorf e Serena Van Der Woodsen, asGossip Girls! O uniforme escolar é uma boa pedida, mas se você tiver banca para usar as grifes que as meninas usam fora do colégio... O que você está fazendo em casa mesmo?

Já encarnar Becky Bloom pode ser te deixar tão falida com o figurino que vai ter que ficar em casa. Péssima ideia. Boo.

As retrôs

Bliss Cavendar
, de Derby Girl. Short  curto e colado, meia arrastão (rasgadas), meias até o joelho, t-shirt com estampa engraçadinha, tattoos (verdadeiras ou não), olho de gatinho à la pinup punk-rock, e claro, seus patins. Vá deslizando e só pare quando encontrar o músico gato mais sinônimo de problema que você encontrar!

Já Para encarnar Mia Thermopolis de Diário da Princesa você vai precisar de: um vestido de princesa (duh!), uma tiara de brilhantes, e um príncipe encantado. Fácil, né? Fones de ouvido e óculos escuros só serão permitidos quando quiser ignorar os inevitáveis paparazzi.

As gente-como-a-gente

Bridget Jones - Se você escolher ir como nossa inglesinha preferida, corre o risco de beber vodca demais enquanto se arruma para sair e terminar a noite desmaiada no sofá ao lado de um balde de pipoca com a TV ligada. Apenas uma coisa é essencial: enormes e velhas calcinhas de vovó.

Carrie Bradshaw de Os Diários de Carrie - Para meninas que gostam de ousar. Tudo é permitido nesse outfit, mas uma saia de filó no joelho e armada, broche de flor gigante no peito, uma bolsa vintage com seu nome pintado de esmalte e 3 melhores amigas a tiracolo só ficam atrás do cabelão cacheado, non-negotiable. Força no babyliss!

Uma das mocinhas de Formaturas Infernais - O remake de Carrie, a estranha taí. Um vídeo viral promovendo o filme também:



 Não vai ter fantasia mais in que vestido de formatura americana com um balde de sangue derramado na cabeça.



Ou você pode pegar pesado e ir simplesmente como A Vilã Mais Odiosa e Intimidadora De Todos Os Tempos. E isso é tudo.



[RESENHA] O Poder Verdadeiro - Crônicas dos Senhores de Castelo #1 - G. Brasman & G. Norris


| Autores: G. Brasman & G. Norris | Selo: Verus | Páginas: 236 | Skoob | ISBN: 9788576861058 | Comprar |

Há milhões de anos, os Espectros, seres mágicos malignos, ameaçavam aniquilar o Multiverso. Para impedir uma catástrofe, a sábia Noppon convocou os líderes de todos os planetas para combatê-los e garantir a paz. Formava-se assim o grupo Senhores dos Castelos. No primeiro volume da saga Crônicas dos Senhores de Castelo, a princesa guerreira Laryssa sairá em uma jornada de luta e coragem em busca de um artefato mágico. Com uma mitologia própria, o livro mistura magia e tecnologia, com referências aos grandes mestres da ficção. Um prato cheio para os fãs da literatura fantástica.

O Poder Verdadeiro, é o primeiro livro das Crônicas dos Senhores de Castelo, escrita por G. Brasman & G. Norris. Uma dupla da pesada. Antes de ler o livro, procurei muitas informações sobre o mesmo – vi muita informação negativa, de pessoas que não tinham curtido o primeiro livro –, mas de cara ele já tinha entrado da minha lista de leitura, digamos que a capa me comprou e vamos admitir, a capa é linda não é mesmo?

O livro possui uma mitologia própria e porque não dizer sensacional? Imaginem criar um mundo diferente do que vivemos e colocar nele elementos de fantasia e tecnologia? É algo magnífico. Confesso que quando li a sinopse, pensei que seria estranho unir esses dois elementos, mas me enganei e me surpreendi com o tamanho desta história. Quando peguei o livro em mãos, fiquei mais impressionado ainda, pois além de ter uma capa muito bonita, o livro trás várias ilustrações ao longo das páginas, o que mostra a preocupação dos autores em relação à nós leitores, afinal, isso tudo ajuda para uma boa leitura e compreensão do texto. Sem contar que o livro fica divo com isso!


Contei do mapa? Não né? Pois é, o livro contém um mapa lindão que abre assim que folheamos o livro. A editora Verus caprichou em cada detalhe sem deixar com que os leitores se decepcionassem. Eu adorei a história, não vou mentir e nem ser tolo ao dizer que o livro me agradou 100%, mas posso e tenho plena certeza de que esse livro me deixou de queixo caído. E quando eu termino de ler um livro e estou de queixo caído, sinto que é hora de conhecer os autores, e comprar a continuação o mais rápido possível, e foi exatamente o que aconteceu...



Vocês leitores lindos, verão que nesta história conheceremos Laryssa, uma princesa guerreira super da hora que poderia ser minha namorada se ela existisse em nossos dias. Ela tem um amigo super bacana, androide, que eu fiz questão de conhecer. Algo que me deixou muito feliz, foi a ousadia dos autores de criarem uma magia poderosa, diferente dos livros de fantasia que eu já tinha lido. O Globo Negro.

Globo Nego é uma peça chave para resolver todos os problemas de Laryssa e do Multiverso, onde um grande conflito foi travado. E agora, o Globo Negro está separado, divido em quatro partes. Que estão ao redor do universo, e Laryssa e seus amigos são responsáveis por encontrar essas partes e colocar a paz em evidência mais uma vez. Venham conhecer esta história e saborear todo o Multiverso e a fantasia em sua melhor forma.


“Ela fechou os olhos e começou a murmurar uma canção com as mãos próximas à boca. O som ritmado parecia familiar a Kullat e Thagir, mas eles não conseguiam distinguir as palavras.”


[DICAS MACABRAS] O que ler no dia das Bruxas!



Dia das bruxas chegando... Aqui vai nossa dica de livros do gênero fantasia para agradar a gregos e troianos. Todos lançamentos direto do forno! Divirtam-se =)


A Bruxa de Near - Bruxa de Near - Livro 01 - Victoria Schwab

A Bruxa de Near


Na cidade de Near não existem estranhos e a velha história da Bruxa é contada apenas para assustar as crianças. Estas são as verdades que Lexi Harris ouviu durante toda a vida. Mas quando um estranho, um garoto que parece desaparecer como fumaça, surge em uma noite do lado de fora de sua casa, ela sabe que algo não está correto. Na noite seguinte, crianças começam a desaparecer de suas camas sem deixar qualquer vestígio e o estranho é o principal suspeito. Mas quando o garoto se oferece para ajudar na busca, algo no coração de Lexi diz que ele esconde outros segredos e não é o culpado. Ela estaria imaginando ou o vento parecia sussurrar através das paredes? Quando a busca pelas crianças se intensifica, o mesmo acontece com a necessidade de Lexi de saber sobre a Bruxa que talvez não seja só uma história para dormir...


O Bater de Suas Asas - A Mão Esquerda de Deus #3 - Paul Hoffman

O Bater de Suas Asas


O cenário da trilogia iniciada com a mão esquerda de deus é desolador. Habitado por meninos que foram levados para lá muito novos e geralmente contra a sua vontade, o santuário dos redentores é uma mistura de prisão, monastério e campo de treinamento militar. Lá, ilhares de garotos são submetidos a uma sádica preparação para lutar contra hereges que vivem nas redondezas. A intenção dos lordes opressores, os monges que protegem o lugar, é fortalecer os internos tanto física quanto emocionalmente, preparando-os para uma monstruosa guerra entre o bem e o mal. Entre os jovens está Thomas Cale. Não se sabe ao certo se ele tem 14 ou 15 anos ou como foi parar ali. O que se sabe é que ele tem uma capacidade incomum de matar pessoas e organizar estratégias de combate. E que o seu treinamento militar brutal tinha um único propósito: destruir o maior erro de deus, a humanidade. Desde que descobriu esta verdade, cale é assombrado pelo homem que o transformou em anjo da morte: o redentor Bosco. Arrogante e inocente, generoso e impiedoso; o garoto é um paradoxo, temido e reverenciado por seus criadores. Sua força já foi usada para derrubar a civilização mais poderosa do mundo, mas agora está fraco. Sua alma está morrendo.


Príncipe da Noite - Sete mulheres e meia - Germano Pereira

Príncipe da Noite



Toda manhã, o psicanalista Gabriel se surpreende ao acordar: sempre encontra uma mulher diferente dormindo ao seu lado. Ele nunca se lembra do seu nome, nem da maneira como a conheceu. A única coisa que resta de suas aventuras noturnas é um lapso de memória. Mas esta noite tudo se repetirá: quando cruzar com uma bela mulher, na noite seguinte, perderá o controle de quem é, porque o seu outro “eu” é capaz de tudo para satisfazer seus desejos mais primitivos. Mantendo esse segredo somente para si, Gabriel leva uma vida aparentemente normal na grande Londres, ouvindo diariamente os problemas de seus pacientes, enquanto tenta fugir das loucuras de sua ex-namorada. Mas nada é verdadeiramente normal para um homem que pode ser controlado pelo Príncipe da Noite...


O Dom - Witch & Wizard - Livro 02 - James Patterson, Ned Rust

O Dom


Os irmãos Allgood nunca desistem de lutar contra os poderes autoritários e desumanos d’O Único Que É O Único, mas, agora, eles estão sem Margô — a jovem e atrevida revolucionária; sem Célia — o grande amor de Whit; e sem seus pais — que provavelmente estão mortos... Então, em uma tentativa de esquecer suas tristes lembranças e, ao mesmo tempo, continuar seu trabalho revolucionário, os irmãos vão parar em um concerto de rock organizado pela Resistência onde os caminhos de Wisty e de um jovem roqueiro vão se cruzar. Afinal, Wisty poderá encontrar algo que lhe ofereça alguma alegria em meio a tanta aflição, quem sabe o seu verdadeiro amor... Mas, quando se trata destes irmãos, nada costuma ser muito simples e tudo pode sofrer uma reviravolta grave, do tipo que pode comprometer suas vidas. Enquanto passam por perdas e ganhos, O Único Que É O Único continua fazendo uso de todos os seus poderes, inclusive do poder do gelo e da neve, para conquistar o dom de Wisty... Ou para, finalmente, matá-la.


Deste Lado da Sepultura - Night Huntress #5 - Jeaniene Frost

Deste Lado da Sepultura


O PERIGO ESPREITA NOS DOIS LADOS DA SEPULTURA Cat Crawfield e seu marido vampiro Bones já foram obrigados – e muitas vezes – a lutar por suas vidas e por seu relacionamento. Mas justamente quando conseguem superar o último desafio, as novas habilidades de Cat ameaçam quebrar o equilíbrio que há muito tempo, e a muito custo, vem sido mantido entre as nações de ghouls e vampiros. Rumores de que uma guerra entre as espécies está mais perto do que nunca são alimentados pelo misterioso desaparecimento de vampiros. Um líder fanático resolve incitar a violência entre as duas raças e, se estes poderosos grupos resolverem se enfrentar, os efeitos serão catastróficos... inclusive para os mortais inocentes. Agora, Cat e Bones devem buscar ajuda nos lugares mais inesperados, o que inclui uma “aliada” perigosa: a rainha ghoul de Nova Orleans. Mas o preço desta ajuda pode ser alto demais, e ainda mais desastroso que a própria guerra entre os seres sobrenaturais.


Escolhida ao Anoitecer - Saga Acampamento Shadow Falls #05 - C.C. Hunter

Escolhida ao Anoitecer


Um final surpreendente para a Saga Acampamento Shadow Falls! O inimigo mais poderoso de Kylie retorna para destruí-la de uma vez por todas, mas ela finalmente assume seus plenos poderes e passa por uma transformação que vai surpreender todos ao seu redor. Mas a jornada de Kylie não será completa até que ela faça uma escolha final: a quem vai finalmente se entregar de corpo e alma? Será que escolherá Lucas, o lobisomem que partiu seu coração, mas faz tudo para reconquistá-la, ou Derek, o meio fae que abriu mão do relacionamento entre eles, mas agora diz que a ama? Tudo o que Kylie aprendeu em Shadow Falls a preparava para este momento, quando o destino lhe revelará por fim quem terá a chave do seu coração.


 Espíritos de Gelo - Raphael Draccon



Um homem acorda acorrentado com os braços para cima em uma sala escura, com dois torturadores vestidos com detalhes masoquistas ao lado e um interrogador baixinho, vestido com roupas sociais e uma camisa surrada do Black Sabbath. Eles o informam que ele acordou em uma banheira sem um rim e sofreu um choque amnésico, que o impede de lembrar os detalhes. Assim sendo, eles partem do princípio de que outros choques traumáticos podem desbloquear essas memórias, se necessários. E se iniciam as piores partes. O livro faz referências à lenda urbana da banheira de gelo, às lendas ao redor da história do rock’n roll e até às motivações e psicologia ao redor da criação de lendas urbanas.


Fragmentada - Slated - Livro 02 - Teri Terry

Fragmentada


Kyla não deveria se lembrar de nada quando foi reiniciada. Mas segredos do seu passado atormentam sua mente. Presa em uma luta contra a opressão dos lordeiros, e ansiando por liberdade, Kyla vê seu passado e presente colidir de uma forma que ameaça sua vida. Enquanto sua busca desesperada por Ben continua, em quem ela poderá confiar em um mundo repleto de segredos e mentiras?



Deusa da Lenda - (Série Goddess #7) - P.C. Cast

Deusa da Lenda


A fotojornalista Isabel, cansada da vida que levava até então, decide voltar à sua terra natal, Oklahoma. No caminho para casa, porém, sofre um acidente, e seu carro é arremessado de uma ponte. Nas escuras e frias águas de um lago, ela luta pela sobrevivência, no limite entre a vida e a morte. Mas Isabel não contava com a ajuda dos deuses: a Deusa das Águas vem a seu socorro. A poderosa deusa se dispõe a salvá-la, mas pede algo em troca. Agora, Isabel deverá viajar pelo tempo, rumo ao lendário reino de Camelot, onde terá a tarefa de seduzir ninguém mais, ninguém menos que Lancelot Du Lac, desviando sua atenção da rainha Guinevere. Simples. Afinal de contas, um cavaleiro charmoso e bonitão é o sonho de qualquer garota, em qualquer século. Infelizmente, nem tudo sai conforme o planejado, e Isabel acaba se apaixonando pelos olhos profundos do sábio Rei Artur! E agora? Será que Isabel deve entregar-se a seu amor verdadeiro, ainda que, com isso, quebre a promessa feita à Deusa das Águas e ainda corra o risco de mudar o destino de sua nação (e do mundo) para sempre?



Gostaram? =)



[PRÉ-VENDA] Eu me chamo Antônio - Editora Intrínseca

14 de Novembro nas livrarias! 



Antônio é o personagem de um romance que está sendo escrito e vivido. Frequentador assíduo de bares, ele despeja comentários sobre a vida — suas alegrias e tristezas — em desenhos e frases escritas em guardanapos, com grandes doses de irreverência e pitadas de poesia. Antônio é perito nas artes do amor, está sempre atento aos detalhes dos encontros e desencontros do coração. Quando está apaixonado, se sente nas nuvens e nada parece ter maior importância, e, quando as coisas não saem como esperado, é capaz de enxergar nas decepções um aprendizado para seguir adiante. Do balcão do bar, onde Antônio se apoia para escrever e desenhar, ele vê tudo acontecer, observa os passantes, aceita conversas despretensiosas por aí e atrai olhares de curiosos. Caso falte alguém especial a seu lado (situação bastante comum), Antônio sempre se acomoda na companhia dos muitos chopes pela madrugada. A mente por trás de Antônio é Pedro Gabriel. Em outubro de 2012, ele inaugurou a página Eu me chamo Antônio no Facebook para compartilhar o que rabiscava com caneta hidrográfica em guardanapos nas noites em que batia ponto no Café Lamas, um dos mais tradicionais bares do Rio de Janeiro. Em seu primeiro livro, Pedro apresenta histórias vividas por seu alter ego, desde a cuidadosa aproximação da pessoa desejada, o encantamento e a paixão, até o sofrimento provocado pela ausência e a dor da perda. Os guardanapos que inspiram milhares de pessoas na internet agora estão reunidos numa caprichada edição, novo lançamento da Intrínseca.




[LANÇAMENTO] A Proposta - Livro 01 - Katie Ashley



Mais um lançamento de um livro erótico para os apaixonados pelo gênero! 



A PropostaSinopse: Com a chegada dos trinta anos, Emma Harrison está com seu relógio biológico tinindo e ainda aguarda o seu príncipe encantado aparecer. Ela está ficando sem opções, principalmente depois queseu melhor amigo gay desistiu de ser seu doador de esperma. Claro, sempre há um banco de esperma, mas Emma tem medo de que haja alguma confusão com a doação e ela possa receber a semente de um monstro assassino ou algo do tipo.
O maior mulherengo da empresa, Aidan Fitzgerald, está acostumado a sempre conseguir o que quer, principalmente no quarto. Quando Emma rejeita suas investidas na festa de Natal da empresa, ele fica determinado a conquistá-la a qualquer custo. Ao saber sobre a difícil situação de Emma, ele rapidamente faz uma proposta que beneficiará a ambos. Ele será o pai do filho da Emma, mas ela precisará concebê-lo naturalmente, com ele. Sem ninguém com quem namorar ou simplesmente fazer sexo casual, Emma reluta em aceitar a oferta, mas o charme dele e o intenso desejo dela pela maternidade vencem a questão.
Logo as seções para a concepção do bebê se tornam mais do que físicas. Aidan não parece se afastar dela, enquanto Emma começa a pensar que ele pode ser o homem certo.






[RESENHA] A Lenda do Lago Dourado - Edson Vanzella Pereira



| Autor: Edson Vanzella Pereira | Selo: Dracaena | Páginas: 380 | Skoob |

Os Baltimore são uma típica família de uma pequena e pacata cidade norte-americana. Tudo muda para eles quando o filho mais velho, David, com 15 anos de idade, passa em primeiro lugar no Concurso nacional de Superinteligentes do Governo Americano. Reconhecido como o novo grande gênio da nação, ele é contratado pelo governo para uma carreira de cientista. Mas, em sua primeira missão, envolve-se em um misterioso acidente que o deixa entre a vida e a morte. Srta. Marshall, agente do governo, responsável pela missão, sente-se culpada pela tragédia. Max, o irmão mais novo de David, com a ajuda da Srta. Marshal, começa a investigar secretamente as circunstâncias daquele trágico e enigmático acontecimento. Na procura por respostas, eles se envolvem em aventuras perigosas, eletrizantes, e acabam descobrindo que, por trás de fatos aparentemente sem ligação, há uma trama cruel em curso. Como pano de fundo, ainda temos uma misteriosa lenda envolvendo um lago conhecido como Lago Dourado, que vai eleger nada menos do que o próprio Max para uma missão vital ao lhe transmitir o Poder da Luz: localizar e destruir o Agente Negro, que é o mentor intelectual desse complô maligno que está pronto para eclodir.

A Lenda do Lago Dourado é um livro do escritor Edson Vanzella Pereira, publicado pela Editora Dracaena. O livro foi muito bem escrito, embora seja um livro de ficção, a escrita me lembra muito o estilo policial, considerando que o leitor sente aquela tensão querendo ler mais, provando que o livro não só envolve a ficção, abordando temas como romance e policial.

O livro conta a história de uma lenda, como vemos no título. A lenda do lago dourado. Essa lenda é relacionada aos Baltimore, uma típica família de uma cidade norte-americana. Tá aí um ponto que eu gostaria de ressaltar. Edson é um brasileiro – nada impeça que o mesmo escreva livros com histórias norte-americanas -, mas creio eu que para o primeiro livro de um autor, de qualquer maneira, iniciante. Começar com uma história tão, mas tão, como eu posso dizer?! “Americanizada”, é como se o mesmo não colocasse o Brasil no meio. Adorei as críticas que são feitas no livro, inclusive a crítica feita para o Brasil, onde é mostrado pelo autor a visão das favelas, do tráfico (querendo ou não, ele existe) e da violência. Sacaram?

Acho eu (eu, Vitor, ok pessoal?), que o papel de um livro no estado em que nós, brasileiros estamos, é de criticar para melhor. Esse foi o motivo de não ter dado 5 estrelas ao livro do Edson. Vamos falar da parte boa? Como vocês perceberam, eu prestei atenção em cada detalhe, pois tudo é importante numa história como essa. 

Ok, eu preciso voltar novamente ao assunto que citei acima. Os personagens principais, David e Max, são garotos super inteligentes. Até aí tudo bem, mas David vai para um programa de superdotados, e onde esse programa é? Tá, mas não e no Brasil. Isso me incomodou muito ao longo da história, entendem quando isso acontece? E não podia deixar isso passar em branco. 

O que me fez ler o livro até o final, segurando a minha ansiedade foi a história em si, que é muito boa. Imaginem, combater as forças do mal? É aquela velha batalha onde todos querem que o bem vença de uma vez por todas.

Como citei lá em cima, David é um garoto muito inteligente, com apenas 15 anos, conseguiu entrar em primeiro lugar no Programa de superdotados. Ele é praticamente um gênio, comparado a Einstein e outros cientistas da nossa querida Física e teorias científicas. E ele, para desenvolver essa inteligência, começa a trabalhar para o Governo Americano – um ponto que citei logo a cima. 

E justamente em sua primeira missão – que é no Brasil, Rio de Janeiro – David é baleado na cabeça e fica em coma, praticamente irreversível, pois perdeu muita massa cefálica. Nesse momento, é mostrado a questão da violência no Brasil, como eu disse. Tanto que é a Srta. Marshall, agente do governo responsável pela missão, sente-se culpada por isso. Essa é uma mulher forte, personagem importante deste livro, vou logo avisando. 

“Lisa correu até o marido, já dentro da lata velha, pronto para ir ao trabalho. Irritado com o que julgava ser um capricho do filho, Peter não quis conversa e, acelerando, deixou Lisa no meio da fumaça.”

Max é o irmão mais novo de David, tá aí outro cara inteligente à nível Newton. Junto com Srta. Marshall, começam a investigar todos os passos daquela tragédia e logo começam a descobrir coisas que não deveriam ser descobertas. Neste momento, começa-se uma batalha entre o bem e o mal, agora perguntem-me, o que o lago dourado tem haver com a história?

“Em Morangovilles, inúmeras pessoas começaram a se aglomerar em frente à residência dos Baltimore. Assustada com todo aquele tumulto, Lisa surpreendeu-se ainda ao ver seus pais entrarem desesperados na sua casa.”

O lago dourado é o pano de fundo de toda a história. Eu diria até que tem um tom de sobrenatural neste lago. E agora, Max precisa usar todas as suas forças para descobrir todo esse mistério. Agora, trava-se a batalha, mas não entre você leitor e os personagens, mas sim entre o Poder da Luz e o Agente Negro. Quem vencerá?


“Era mais um dia de treino na academia de lutas marciais. O treinador chamou Max para uma aconversam juntamente com um empresário do ramo de lutas.”



[RECADOS E NOTICIAS] Resenhista saindo... E outra chegando!




Olá galera!

Hoje vim anunciar uma noticia agridoce. A fofa da Aline, que resenhava toda sexta-feira nos deixou. Por N motivos, como o crescimento do seu próprio blog (Livros y Viagens), o que sei que exige muita atenção. Ela não está mais na equipe, porém vai ser sempre parte de nossos corações. Fiz uma grande amizade e isso vai, claro, continuar. Além de nossos blogs serem parceiros.
Por isso, desejo muita sorte para Aline nessa sua jornada na Blogsfera! Que seu blog que já é lindo e de bom conteúdo, cresça mais a cada dia. #Saudades

Continuando...

Eu não abri vagas novamente pois como prometido, entrei em contato com os finalista não escolhidos da última seleção. Só se um deles não aceitasse, então eu as abriria vagas novamente. 

A saída da Aline foi a parte ''agri'' agora vem o ''doce'' 

Que é a noticia da chegada de nossa nova resenhista. E seu nome é Andréia. 

A Andréia vai postar resenhas, como já tem feito por uns dias em fase ''teste'' toda sexta-feira. Quero desejar a ela toda a sorte do mundo, e dizer que estou muito feliz. Se eu fosse resumir essa moça em uma palavra seria: esperta! Ela pega as coisas de forma muito rápida, só preciso explicar uma vez como se faz algo, e pronto, ela já está fazendo melhor do que eu kkkk (segredo!). 

Espero muitos rostinhos desejando boa sorte a Andréia e conferindo suas resenhas #maras




Colunista no blog: Na cabeceira da cama

Chamo-me Andréia Renata, sou universitária de Direito, moro em Campo Grande (MS), amo ler e ouvir músicas, tenho um gosto eclético para ambos, comecei a ler devido à influência do meu pai, que desde pequena me levava à biblioteca e me incentivava a pegar livros e lê-los enquanto ele lia seu jornal, aspirante a escritora, adoro assistir filmes com as minhas amigas e viajar, sou chocólatra. Amo acima de tudo a minha família e devo à ela a pessoa que eu sou hoje.
Frase:

“Então, acho que somos quem somos por várias razões. E talvez nunca conheçamos a maior parte delas. Mas mesmo que não tenhamos o poder de escolher de onde viemos, ainda podemos escolher aonde iremos a partir daqui.” Stephen Chbosky.



E que esta seja uma parceria de sucesso para todos!




[RESENHA] Seis Coisas Impossíveis - Um choque de realidade de cada vez, por favor! - Fiona Wood

Seis Coisas Impossíveis

| Autor: Fiona Wood | Selo: Novo Conceito | Páginas: 271 | INBS: 9788581633251| Skoob | Comprar |

Dan Cereill levou um encontrão da vida: seu pai faliu, assumiu que é gay e separou-se de sua mãe, tudo de uma vez só. Enquanto isso, sua mãe recebeu de herança uma casa tombada pelo patrimônio histórico que cheira a xixi de cachorro, mas que não pode ser reformada... E, agora, Dan está vivendo em uma casa-relíquia que parece um chiqueiro, com uma mãe super triste e sem conseguir falar com o pai — que ele ama muito. Suas únicas distrações são sua vizinha perfeita, Estelle, e uma lista de coisas impossíveis de fazer, como: 1. Beijar a garota. 2. Arrumar um emprego. 3. Dar uma animada na mãe. 4. Tentar não ser um nerd completo. 5. Falar com o pai quando ele liga. 6. Descobrir como ser bom e não sair abandonando os outros por aí... Mas impossível mesmo será: 1. Não torcer para que Dan supere seus problemas. 2. Não rir muito com os devaneios dele. 3. Não querer ter um cachorrinho como Howard. 4. Não desejar que a mãe de Dan encontre a felicidade. 5. Parar de ler este livro. 6. Não querer abraçar o livro depois de tê-lo terminado...

1) Loser, 2) Nerd, 3) Pai gay, 4) Mãe sozinha, com um grande ponto de interrogação no quesito ''estabilidade mental'', 5) Sem dinheiro, 6) Refugiado de escola Particular.

Uma história jovem, divertida, inteligente e deliciosamente agradável à mente. O que dizer além de que amei?

Nesta história somos apresentados a um garoto extremamente comum a nossos olhos, magro, cabelo estranho precisando de um bom corte, sem um estilo de se vestir. Bem típico de um adolescente tentando se encontrar. Nosso Dan Cerelli é um cara nerd, ou como chamam ‘’loser’’, mas isso não é um defeito, a não ser que você esteja no colégio...
Dan leva uma vida bem tranquila, sua família possui um certo dinheiro o que o deixa preocupado apenas com escola e vídeo game, pelo menos era assim até seu pai anunciar a bomba. Ele está falido, é gay, e vai deixar sua família!

‘’Gente, por favor, um choque de virar a vida de ponta cabeça por vez, tive vontade de dizer’’

Mas aí vocês pensão que a história vai se tornar um amontoado de lamúrias de um garoto playboy sofrendo a perda da grana, certo? Errado.
Mãe e filho se mudam para um casebre caindo aos pedaços, lotado de coisas velhas empoeiradas das quais eles não podem se livrar, pois herdaram a ‘’posse’’ não a propriedade que de acordo com a falecida tia em seu testamento, vai para um museu.
Em uma nova escola, sem o pai, com uma casa caindo aos pedaços, uma mãe meio perdida e com uma vizinha de tirar o folego, Dan começa a crescer de verdade.
Narrado em primeira pessoa somos levados ao teor da história pelos olhos de Dan, um garoto formidável em minha opinião, inteligente, gentil, responsável (virei fã rs). Que apesar de não atender os telefonemas do pai, por diversas vezes o vemos admitir seu amor por ele. A  tensa questão ‘’pai gay’’ não o envergonha, ele apenas foi pego de surpresa.

‘’Sua bicha – Deeks xinga. -  Com uma onda de alivio, percebo que, apesar de não conseguir falar com ele, estou do lado do meu pai. Fico bravo por ele, quero defende-lo. Odeio esses idiotas que usam ‘’bicha’’ e ‘’gay’’ como insulto. E eles fazem isso o tempo todo’’

Mesmo sofrendo bullying  na escola ele tenta se erguer. Veja só sua lista de coisas a fazer:

1 – Beijar a garota (Estelle).
2 – Arrumar um emprego.
3 – Dar uma animada na mãe.
4 -  Tentar não ser um nerd completo.
5 – Falar com o pai quando ele liga.
6 – Descobrir como ser bom e não sair abandonado os outros por aí...

#Fofo! ^^

Para alcançar cada item dessa lista ele vai passar por muitas situações cômicas, fofas, tristes... É uma delicia presenciar suas pequenas vitórias e derrotas. Poder acompanhar seu amadurecimento.
Uma personagem incrível é a mãe de Dan, ela sofre um super baque ao se separar do seu marido/melhor amigo.
Mas apesar de triste ela tenta se reerguer, e suas tentativas de boleira de casamentos são pra lá de engraçadas.

‘’Desprezada, mas forte’’, ela diz, ou ‘’com raiva, mas bola pra frente’’, ou ‘’magoada, mas não estou afim de vingança’’Pelo menos não a escuto chorar a noite.’’

Não tem como não torcer para ela encontrar a felicidade, ela é uma mulher muito forte e boa.
Outro personagem fofo é seu cachorro Howard, ele foi herdado junto com a casa, e acaba por se tornar um grande amigo de Dan. Howard é inteligente, companheiro, tanto Dan quantos nós leitores ficamos na duvida se ele não é meio humano dado sua esperteza. As vezes como Dan diz, parece que ele Howard é o dono e não o cão.

‘’Ainda estou no nível iniciante de ‘’cachorrês’’ apesar de ele ser fluente em ‘’humanês’’. E não estou falando só de inglês. Ele consegue ler pensamentos. É irritante. ’’

Temos muitos outros personagens secundários incríveis, igualmente interessantes, com falas divertidas e inteligentes.

A autora escreve de uma forma dinâmica, com muita eloquência, mescla muito bem a parte ‘’pensamentos de Dan’’ com a ação e diálogos, o que não deixa o livro em hipótese alguma monótono. Gradativamente vamos nos apaixonando por cada personagem.
Recomendo muito esse livro principalmente por ele tratar de forma leve e bem humorada temas tensos, atuais e preocupantes. Como homossexualismo paterno, separação dos pais, homofobia, bullying, dentre tantos outros.
É uma leitura indicada para qualquer idade, todas as pessoas podem tirar pequenas e grandes lições sobre a vida nele. E na pior das hipóteses, tenha certeza que terá momentos de uma agradável e divertida leitura.
A diagramação é como sempre ‘’um brinco’’, capa mais que fofo, detalhes ornando com a história. Folhas amareladas, letras de bom tamanho. Tudo em perfeita harmonia.

Dan tinha uma lista de seis coisas ‘’impossíveis’’. Eu encontrei 10 coisas realmente impossíveis depois que li. 

1 – Começar a leitura e não querer devorar o livro rapidamente;
2 – Não terminar a história com uma quedinha por Dan;
3 – Não adorar a mãe dele e torcer para ela conseguir achar um caminho;
4 – Não amar o Howard;
5 – Não querer gritar para Estelle ‘’namora o Dan!’’;
6 – Não terminar esse livro colocando ele na listinha dos ‘’adorados 2013’’ para não dizer, favoritos;
7 – Não morrer de tanto rir com as loucuras dos personagens;
8 – No fim do livro, olhar a capa e ficar com um sorriso bobo no rosto por entender finalmente os símbolos (principalmente a chave);
9 – Não recomendar muito depois;
10 – Reler no dia seguinte =) 





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...